Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2010

 

- Manchas no espaço!
- Queres dizer nebulosas.
- Não – manchas – porque são o lastro das crises emocionais das pessoas, dos seus sofrimentos e das suas alegrias.
- São tão visíveis assim?
- Pois são, formam uma camada lamacenta e empedernida à volta do planeta.
- Mas isso é proveniente das amarguras ou das alegrias?
- Essencialmente dos erros, porque tanto há sofrimentos como alegrias provocadas em situações erróneas, como há sofrimentos e alegrias provocadas em situações normais, digamos assim. Há quem se divirta com o mal alheio, quem sofra por remorsos ou amarguras. E há quem sofra porque está perante um acontecimento triste como a morte de um ser querido, ou quem se alegre por estar numa festa, etc.
- Esse lastro é denso?
- É o suficiente para o considerarem uma camada atmosférica em volta da Terra e lhe darem nome próprio.
- Essa agora!
 

 



publicado por eva às 19:51 | link do post | comentar

mais sobre mim
Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28


posts recentes

Meu Amor Meu

Pecado

Fogo que arde

Coração embalsamado

Lógica humana

Deixamos fugir os dias

Parcela de um Todo

Ando por aí

Tudo pode ser útil

Quero...

arquivos

Fevereiro 2011

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

tags

poesia

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds